Máquinas de Soldar

A mostrar 1–16 de 17 resultados

A mostrar 1–16 de 17 resultados

Quais os Tipos de Máquinas de Soldar?

Na área da Soldadura são vários os processos de soldadura, para cada um existe máquinas de soldar especificas.

O mais comum é soldagem através de arco elétrico (Aparelhos de Soldar Inverter). É um processo que permite unir peças metálicas de forma duradoura. As máquinas de solda a arco são assim designadas por gerarem um arco elétrico entre a peça de trabalho e a ponta de um elétrodo, arco esse que produz um calor intenso e localizado. A alta temperatura do arco permite fundir as extremidades das peças a soldar e o metal de adição, que pode apresentar-se sob a forma de elétrodo ou de arame. Determinados trabalhos de soldagem dispensam o uso de um metal de adição.

Em função do processo que utilizam, existem 3 tipos principais de máquinas de solda por arco elétrico:

– Inverter de Soldar MMA

– Inverter de Soldar MIG/MAG

– Máquina de Soldar TIG

Quais os aspetos a ter em conta na escolha do seu Aparelho de Soldar?

Utilização

Manutenção, utilização ocasional Máquina de solda MMA
Produção, utilização regular Máquina de solda MIG/MAG
Produção, estanqueidade/alta qualidade do cordão de solda Máquina de solda TIG

Materiais a Soldar

As Máquinas de solda MMA podem soldar a maioria dos metais, desde que se utilize o elétrodo adequado. Porém, soldar alumínio através deste processo é difícil e exige bastante perícia da parte do soldador.

As máquinas de solda MIG/MAG podem soldar todos os metais comuns, sendo necessário usar um tipo de gás de proteção específico para os aços-carbono (soldagem MAG).

As máquinas de solda TIG podem soldar todos os metais, inclusive o titânio, com o mesmo gás de proteção.

Espessura dos materiais a soldar

Independentemente do processo utilizado, quanto maior for a espessura dos materiais a serem soldados, mais elevada deverá ser a corrente elétrica. Por isso é fundamental escolher um equipamento com capacidade para fornecer corrente com intensidade suficiente para a aplicação a que se destina.

Ciclo de trabalho

O ciclo de trabalho das Máquinas de Soldar, é um parâmetro importante na escolha de uma máquina de solda, pois representa a capacidade do equipamento para operar durante um determinado tempo sem necessidade de paragens para arrefecer. O ciclo de trabalho é expresso em percentagem e corresponde ao tempo que a máquina pode funcionar em contínuo a uma dada potência de soldagem num período de referência de 10 minutos.

O ciclo de trabalho pode aparecer indicado para uma ou para várias potências de soldagem. Quanto mais elevada for a corrente de soldagem utilizada, mais rapidamente a máquina aquecerá e, logo, mais curto será o seu ciclo de soldagem. Por exemplo, um ciclo de trabalho de 70% a 100 A significa que a máquina, quando estiver configurada para 100 amperes, pode funcionar durante 7 minutos seguidos e depois é preciso deixá-la arrefecer durante 3 minutos antes de se voltar a usá-la.

Máquinas de Soldar com Garantia

Qualquer uma das Máquinas de Soldar está abrangida por 3 anos de garantia. Para lá da garantia, dispomos de uma equipa de técnicos pós-venda especializados em manutenção e reparação de todo tipo de Máquinas de Soldar.

Quais são as opções de envio das Máquinas de Soldar?

Todos as Máquinas de Soldar podem ser entregues em sua casa, ou podem ser levantados nas nossas lojas onde lhe é demonstrado e explicado o funcionamento da mesma.

Ler mais