Publicado em

Berbequim Manual – Utilização e Evolução ao Longo do Tempo

Berbequim Manual

O que é um berbequim manual?

Os berbequins manuais são ferramentas muito práticas e fáceis de utilizar, através de um mecanismo manual torna-se possível perfurar um vasto conjunto de materiais macios (madeira, plástico e derivados). O berbequim manual é especialmente útil em áreas onde a precisão e o controlo do trabalho são mais valorizados do que a potência, como é o caso das áreas da marcenaria e a joalheria.

A evolução do Berbequim Manual ao longo tempo

A origem do berbequim remonta a 3000 A.C no Egipto e começou por ser um simples cabo de madeira com uma ponta reforçada, este primitivo berbequim manual era rodado através do auxílio de uma cinta de couro que fazia com que a “broca” girasse para a frente e para trás, este tipo de “berbequim manual” continuou a ser utilizado por alguns povos, especialmente pelo povo chinês que durante séculos usou berbequins de arco muito grandes que exigiam várias pessoas para operar.

Durante a época dos romanos foi desenvolvida uma forma de realizar perfurações que envolvia uma broca com punho de madeira em “T”, esta invenção mais tarde serviria de inspiração para criação do amplamente utilizado “saca-rolhas”.

Mais tarde surgiram os primeiros berbequins manuais semelhantes aos que são usados hoje em dia, primeiramente com corpo totalmente em madeira e mais tarde gradualmente aprimorados com estruturas de metal de modo a melhorar a sua resistência e performance.

A última inovação no que toca aos berbequins manuais surgiu no século XIX, através de um mecanismo de engrenagem que girava um pinhão, tornando-se assim possível atingir velocidades de rotação muito mais altas o que era especialmente útil para perfurar metal.

Após centenas de anos de evolução e apesar de ainda continuarem a ser utilizados hoje em dia, os berbequins manuais acabaram por evoluir para os potentes e úteis berbequins elétricos e a bateria que todos conhecemos atualmente.

A evolução dos berbequins ao longo do tempo

Vantagens e desvantagens de um Berbequim Manual

As vantagens do uso de um berbequim manual são a possibilidade de controlar quase na totalidade a profundidade e a velocidade da perfuração o que é extremamente útil para a furação de materiais macios ou propensos a danos, o seu baixo custo de aquisição e a possibilidade de realizar perfurações sem necessitar de um ponto de acesso a energia são também uns dos principais benefícios de um berbequim manual.

Como desvantagem, um berbequim manual não apresenta tanta potência como um berbequim elétrico ou berbequim a bateria – assim sendo não é capaz de realizar perfurações em materiais mais duros, não realiza as perfurações tão rapidamente e exige demasiado esforço por parte do utilizador.

Como utilizar com segurança um Berbequim Manual?

O uso de um berbequim manual é relativamente simples, contudo importa não esquecer alguns passos fundamentais:

  • O material a perfurar deve estar devidamente preso e seguro, pois devido à perfuração ser realizada a velocidade lenta, um súbito movimento no material pode resultar em danos para o mesmo.
  • A broca deve estar corretamente apertada pelo mandril (poderá ser necessário o uso de uma chave apropriada);
  • Caso sinta que o processo de perfuração começa a ser mais difícil e demorado, tire a broca (usando um movimento de rotação contrário) e volte a inserir, pois a dificuldade de perfuração pode ser consequência de detritos acumulados;
  • Tenha sempre em atenção que ao usar brocas de menores dimensões não poderá exercer demasiada pressão no cabo pois a broca poderá dobrar ou até mesmo partir.